Couch Stretch

 

TODOS OS CICLISTAS DEVEM FAZÊ-LO

          Todos reconhecem que a posição de ciclista mantida por longos períodos pode fomentar o encurtamento dos músculos e por sua vez causar a diminuição da amplitude de movimento. O que, por sua vez, pode provocar dor e tensão no pescoço, costas, bacia e pernas e pior, perderem a capacidade de produzir força.

Temos de contrariar este efeito e para isso deixar de ser preguiçosos. 15 minutos de alongamentos pós-treino são o suficiente para regenerar e preparar os músculos para uma nova etapa. O teu corpo vai-te agradecer e vai-te dar tempo precioso para pensares na vida (ciclismo) por algum tempo.

 

Benefícios dos alongamentos:

  1. Aumenta fluxo sanguíneo que permite a remoção das toxinas acumuladas durante o exercício;
  2. Melhora a eficiência no recrutamento das fibras musculares;
  3. Evita lesões por desgaste e fadiga;
  4. Evita encurtamento das fibras musculares, o que possibilita ficar mais confortável numa posição mais aerodinâmica na bicicleta;
  5. Previne caibras e atenua as dores musculares.

 

Uma das melhores técnicas para exercitar a mobilidade e melhorar a flexibilidade da cadeia anterior que tem ganho mais adeptos é este exercício – “couch stretch”. A partir do livro do Dr. Kelly Starrett “Becoming a supple leopard” pudemos reaprender alguns exercícios fundamentais para quem pensa o ciclismo de uma forma mais séria. E com este exercício conseguimos aumentar a amplitude de movimento que muitas das vezes condiciona a performance e altera negativamente o alinhamento postural em cima da bicicleta.

Mas atenção porque a aplicação desta técnica deve estar de acordo com elevados padrões de rigor na execução técnica. E, já agora, acredite que ninguém faz este exercício sem rogar pragas ou chorar a pedir clemência.

 

 

EXECUÇÃO:

 

  1. Colocar um joelho o mais perto possível da parede ou sofá (couch),  com o peito do pé encostado na parede;
  2. o pé encostado na parede;
  3. Avance com o outro pé à frente do corpo;
  4. Verifique o alinhamento da coluna, deve estar em posição neutra;
  5. Contraia os glúteos para projetar a bacia em direção ao chão;
  6. As contrações devem demorar 3 segundos e deve repetir várias vezes.

 

Este exercício pode ser muito eficaz para resolver boa parte dos encurtamentos musculares de quem passa muitas horas em cima da bicicleta, mas não resolve tudo. Esteja atento aos próximos artigos em que falo dos alongamentos das cadeias posteriores.

Boas pedaladas!!!

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Fique a par das novidades!

Receba a nossa newsletter.

Obrigado por subscrever

Veja as nossas promoções!

  • Nenhum produto no carrinho.